terça-feira, 11 de abril de 2017

Dia Mundial da Saúde 2017


Equipes dos NASF Jardim Brasília no Parque Municipal Vitório Siquierolli.

No marco do Dia Mundial da Saúde de 2017, comemorado a cada 7 de abril, a OMS – Organização Mundial de Saúde -  deu início a uma campanha sobre depressão, transtorno que pode afetar pessoas de qualquer idade em qualquer etapa da vida. Com o lema “Let’s talk” (“Vamos conversar”, em português), a iniciativa reforça que existem formas de prevenir a depressão e também de tratá-la, considerando que ela pode levar a graves consequências.

Em Uberlândia a Dra. Tânia Helena Alvares, médica Antroposófica do PMPICS - Programa Municipal de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde -  participou de um evento que reuniu as equipes dos NASF Jardim Brasília e aconteceu no Parque Municipal   Vitório Siquierolli.
Dra. Tânia trouxe algumas reflexões sobre o tema em uma roda de conversa: a Medicina Antroposófica considera a saúde como uma condição determinada pela maneira que o indivíduo enfrenta os estressores na vida cotidiana.  E o trabalho terapêutico realizado nesta abordagem está direcionado para despertar no paciente a condição psíquica de construir estratégias de enfrentamento para lidar com situações de dano, de ameaça ou desafio.

A Medicina Antroposófica considera o ser humano como sendo constituído por corpo, alma e espírito. O corpo está relacionado a matéria, a estrutura. A alma as emoções, aos sentimentos. E o espírito ao propósito maior, ao eterno, a essência. De uma maneira simplificada podemos dizer que o corpo representa as forças do peso, o espirito as forças da leveza e a alma polariza e se movimenta entre ambos. Em uma sociedade materialista a competição, o medo e o egoísmo afastam o ser humano da abertura para o outro, da cooperação, da liberdade em criar, da autonomia, da alegria, terreno propício para a instalação da depressão, da ansiedade e do pânico.

Durante a dinâmica da Meditação Terapêutica através de exercícios de imaginação dirigida foi proporcionado a vivência destas forças do peso e da leveza e através de vários depoimentos pode-se constatar a satisfação das participantes em experimentarem a paz e tranquilidade através da quietude do pensamento. O despertar foi verificado através da pergunta de uma das participantes: “E agora como fazemos para manter esta sensação de paz e quietude em nossa vida lá fora repleta de tensões e problemas”?

E assim a Medicina Antroposófica cumpriu seu objetivo neste evento:
“Na época atual vivemos como que adormecidos, sem viço e sem vida. A meditação é uma prática que nos permite trocar os ruídos pela música, silenciar a forma, acordar o espírito, reencontrar a nós mesmos em essência e vida”. (Rudolf Steiner).

Mais informações pelo telefone: 3229 7772 ou Whatsapp 991001017
Rua Duque de Caxias, 63 Centro.




Nenhum comentário: